Ir para conteúdo do site
Acompanhe a Prefeitura
Acessibilidade
A-
A+

Ir para conteúdo

Prefeitura de Arroio do Padre / RS
Acompanhe-nos:
Facebook
Notícias
Principal   Notícias
 

Avaliação da Informação
Dê sua avaliação
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando avaliação. Por favor, aguarde...
Avaliar Informação
15/10/2019 às 11:11:00
Visita Técnica realizada no Município de Bom Princípio/RS

› Local: Av. Vinte e Cinco de Julho - 383 - Centro
Visita Técnica realizada no Município de Bom Princípio/RS, na data de 03/10/19, proporcionada pela Emater do Arroio do Padre, sob responsabilidade do Engenheiro Agrônomo da Emater, Sr. Ricardo Bonini Afonso em parceria com esta Prefeitura.

Na chegada à Bom Princípio, fomos recepcionados pelos responsáveis da Emater/RSASCAR, Sr. Marcelo Antônio Araldi Brandoli – Gerente Regional de Lajeado; Sr. Carlos Augusto Lagemann - Gerente Regional Adjunto; Prefeito de Bom Princípio, Sr. Fábio Persch; Secretário de Agricultura de Bom Princípio, Sr. Volmir Hauser; Presidente do Sindicato de Produtores Rurais de Bom Princípio, Sr. Pedro Paulo Schmitz; Sr. Alexandre Matusiak – Extensionista da Emater de Bom Princípio, em frente à Cooperativa Ecomorango, onde foi possível conhecer um pouco dos produtos que são comercializados naquele espaço, com ênfase para produtos orgânicos e de manejo integrado.

Se fizeram presentes além dos produtores interessados no assunto, representantes de Arroio do padre, como os senhores Ricardo Bonini Afonso e Cristian Marlon da Silva Vergara – Extensionistas da Emater/RS-ASCAR de Arroio do Padre; Sra. Lílian Fernandes Barboza – Eng.ª Agrônoma da Prefeitura de Arroio do Padre; Sr. Rafael Einhardt Rutz – Secretário Municipal de Agricultura, Meio Ambiente e Desenvolvimento e o Sr. Lotar Priebe – Secretário de Administração, Planejamento, Finanças, Gestão e Tributos. A partir deste ponto, seguimos viagem até a primeira propriedade a ser visitada, onde fomos recepcionados pelo Sr. Vilson Brandt e família, produtor de morango e hortaliças, cooperado da Ecomorango e presidente da Associação dos Produtores, relatando 22 anos como associado e que a Associação não possui fins lucrativos, sendo apenas de caráter organizacional, sendo a motivação inicial da Associação de viabilizar a exportação, já que a cooperativa dispunha de uma câmara fria grande; no entanto a exportação não obteve muito êxito devido a entraves burocráticos que dispendiam muito tempo, pois o morango quando colhido no ponto, dura somente uma semana na câmara fria, já se colhido maduro, dura menos ainda. Após breve apresentação, o produtor informou que a propriedade dispõe de 9,5 hectares, onde contempla os dois tipos de plantio (solo e substrato semi-hidropônico), além do sistema convencional integrado às inovações agroecológicas, possuindo estufas do tipo túnel alto, divididas em cultivos sobre bancadas (slabs ou calhas em polipropileno) e chão, além de estufas de túnel baixo com cultivo em solo. As calhas de polipropileno compõem atualmente duas estufas túnel alto, nas quais o produtor optou por testar a alternativa, descrevendo que a durabilidade deste tipo de calha é bem maior quando comparada aos slabs plásticos e observou que as raízes das plantas dispõem de mais espaço no substrato, o que pode diferenciar o tempo de emergência das mudas, aumentando o mesmo se comparado ao slab, no entanto, devido ao maior desenvolvimento de raízes, proporciona plantas mais robustas. Recomendou para os canteiros do chão, a utilização do plástico preto da empresa PlastiWeber, devido à resistência e qualidade do material. Os estandes são compostos de seis a oito plantas por metro. Relatou que utiliza as cultivares San Andreas nas bancadas das estufas e Camarosa e Pircinque nas plantadas no chão, sendo esta última susceptível a apodrecimento por umidade. A procedência das mudas é do Chile, devido à escassez das mudas Argentinas, porém preferia a qualidade das mudas Argentinas, qualificando as Chilenas como muito inferiores atualmente, de acordo com a sua produção. Explicou que utiliza as mudas no prazo máximo de dois anos, porque a partir deste período, a produtividade da muda decresce muito; que utiliza dois tipos de adubação formulada na fertirrigação, conforme a condutividade, cerca de três vezes por semana e nos outros dias, apenas água na irrigação. O pH é controlado para permanecer entre a faixa de 6 a 7, desta forma, melhor disponibilizando a absorção dos nutrientes às plantas. Nas cultivares do chão, aduba apenas uma vez por semana, já que o solo dispõe de mais nutrientes à planta do que o substrato. A marca de fertilizante que utiliza é a Samo Fertilizantes. Quanto ao substrato, quando é o primeiro uso, a mistura se compõe de casca de arroz carbonizada com húmus, na concentração de 3:1 ou 4:1; quando é reutilizado, a composição é de substrato já utilizado, mais o acréscimo de casca de arroz carbonizada e húmus. Observou que a Turfa não quer nem de presente! Relatou ainda que os maiores problemas na produção são quanto à mão-de-obra e o fitossanitário, o Ácaro rajado (Tetranychus urticae). Observou que o ácaro não gosta de umidade, portanto ataca nas épocas mais secas e a alternativa empregada no controle é a inserção massal do Ácaro predador (Neoseiulus californicus), sendo que algumas vezes o outro predador indicado (Phytoseiulus macropilis) já se encontra no ambiente, nas plantas adjacentes, demonstrando a importância de não retirar totalmente a vegetação das áreas do entorno sob as bancadas, já que são focos em que se encontram os inimigos naturais do Ácaro rajado. O produtor declarou que utiliza rotação de culturas com melão e pepino, intercalando as culturas (1 ano melão, 1 ano pepino e 1 ano morango). A produção média de morangos registrada pelo produtor é em torno de 1 kg de fruta por planta ao ano.

Para ter acesso ao relatório completo faça o download no link abaixo.


Fonte: Secretaria de Agricultura, Meio Ambiente e Desenvolvimento
 
Arquivos para Download:
Visita Técnica realizada no Município de Bom Princípio/RS
606,96 KB

15 de OUTUBRO de 2019
FAÇA O DOWNLOAD
 
 
 
NEWSLETTER    | Receba informativos da Prefeitura de Arroio do Padre
Brasão
Localização Localização
Av. Vinte e Cinco de Julho, 383, Centro - CEP: 96155-000
Telefone Contato
(53) 3224-9000
Atendimento Atendimento
De Segunda a Sexta das 08:00 horas às 12:00 horas e as 13:00 horas ás 17:00 horas
Redes sociais Acompanhe-nos
© Copyright Instar - 2006-2019. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia
Instar
Seta
Copyright Instar - 2006-2019. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia